Férias por Trás-os-Montes e Douro - 19 a 22 Ago 21

por Caminhadas Smile

De 11/08/2021 a 16/08/2021 16:00
Sorteio em 16/08/2021 16:30

Prémios

Oferta de 5 % de desconto na inscrição – 19 a 22 de agosto de 2021.

Caminhadas Smile assegura a sua inscrição, pelo que deve contactar diretamente o Patrocinador, através do número 914 839 887 (Sr. Fernando Lopes), ou email caminhadas.smile@gmail.com

Caminhar na Serra do Marão, viagem de comboio pela linha do Douro, passeio de barco Rabelo e canoagem no rio Douro

Nestas Férias por Trás-os-Montes e Douro vamos caminhar na Serra do Marão, pela extinta linha férrea do Tua, em trilhos junto a rios de águas frescas e límpidas com possibilidade de mergulhar, e visitar aldeias, vilas e cidades como Ucanha e Anciães, Pinhão, Régua, Lamego e Amarante. Viagens de comboio pela linha do Douro da Régua para o Pinhão e passeio de barco Rabelo do Pinhão para Foz do Tua e Canoagem no Rio Douro.

Note: A preparação desta atividade e os percursos escolhidos teve em conta a época do ano em que vai ser realizada. Os trajetos foram escolhidos não só devido à sua extraordinária beleza e ruralidade, mas também ao conforto que nos é proporcionado, pelas águas frescas e límpidas de alguns rios onde nos poderemos banhar nas várias paragens ao longo dos percursos, e também pelas sombras das zonas arborizadas por onde vamos passar.

Nestas Férias por Trás-os-Montes e Douro vamos desfrutar de belíssimas paisagens numa viagem de comboio pela linha do Douro, desde a Régua até ao Pinhão. Caminhar em trilhos pela rica paisagem de rara beleza natural e rural desta região e descobrir uma terra rica, não só em vinhas mas também em cereais, legumes e frutos que moldam a natureza com cores alternadas ao longo das estações do ano. Passamos por aldeias e lugares onde podemos observar casas centenárias em granito, espigueiros, fontanários, pequenos pinhais e bosques Transmontanos.

Vamos fazer um pequeno trilho na extinta linha do Tuapercorrer um passadiço de madeira nas margens do Douro, caminhar ao lado do rio Tua até a barragem da Foz do Tua e Visitar o Centro de Interpretação do Vale do Tua .

E como cereja no topo do boloum relaxante passeio no tradicional Barco Rabelo pelo Rio Douro (agora de locomoção 100% elétrica), desde o Pinhão até à Foz do tua por incríveis paisagens vinhateiras e sentir o silêncio e os cheiros desta região.

Antes de finalizar a nossa viagem ainda temos oportunidade de uma visita pela zona ribeirinha de Ucanha onde poderemos apreciar a arquitetura da Ponte de Ucanha e sua Torre fortificada que serviu muito tempo como portagem, explorada por monges e na qual todos tinham de pagar para a atravessar.

Férias por Trás-os-Montes e Douro

Vale do Tua

PROGRAMA Férias por Trás-os-Montes e Douro

Quinta feira, 19 de Agosto 2021 

  • – 07h00 – Saída de Lisboa em direção a Marco de Canavezes, com algumas paragens pelo caminho.
  • – 11h30 – Início do Trilho do rio Ovelha , percurso de 11 km, circular, dificuldade média. 
  • – Almoço picnic (farnel que cada um levar na mochila).
  • – Possibilidade de mergulhar nas águas límpidas do Rio Ovelha junto à Ponte Romana do Arco. (Leve fato de banho e pequena toalha).
  • – No final da tarde, deslocação para Amarante e passeio pela zona ribeirinha onde poderemos apreciar a arquitetura do Hotel da Calçada, a Ponte histórica de Amarante, Museu, Mosteiro, e o belo Rio Tâmega. Tempo para adquirir os famosos doces de Amarante (lérias, papos d’anjo, S. Gonçalos, foguetes, ou brisas do Tâmega).
  • – Deslocação para Peso da Régua. Check-in no hotel e jantar.

Sexta feira, 20 de Agosto 2021 – Serra do Marão

  • – 08h00 – Pequeno almoço no hotel e deslocação para a aldeia de Vila Marim para visita ao Centro interpretativo do Barco Rabelo.
  • – Deslocação para a Serra do Marão e início do trilho Ribeira da Póvoa 9 kms, Circular, grau de dificuldade média. É um trilho de paisagens belíssimas ao longo da Ribeira da Povoa e com passagem por um esplêndido bosque de árvores centenárias da Serra do Marão.
  • – Possibilidade de mergulhar nas águas transparentes da Ribeira da Póvoa em plena Serra do Marão. (Leve fato de banho e pequena toalha).
  • – Almoço picnic.
  • – Breve visita à Aldeia de Ansiães típica pelas suas casas centenárias de granito e alguns fontanários. Passagem pelo Viveiro de Trutas.
  • – 17h00 – Canoagem no  Rio Douro (Régua).
  • – 19h00 – Regresso ao hotel e jantar.

Sábado, 21 de Agosto 2021 

  • – 07h45 – Pequeno almoço no hotel.
  • – Tomada do comboio na Régua para o Pinhão para uma bela viagem pela linha do Douro.
  • – Chegada ao Pinhão. Nesta estação de comboios poderá admirar e fotografar os famosos painéis de azulejos. Segue-se pequeno passeio pela vila e pelas margens do Rio Pinhão.
  • – 12h00 – Tomada do barco Rabelo para um magnífico passeio pelo Rio Douro até Foz do Tua.
  • – Chegados a Foz do Tua, vila perto de Carrazeda de Ansiães, iniciamos uma Caminhada de 4,5 kms, Circular, dificuldade Fácil, por passadiços de madeira na margem do Rio Douro até que chegamos a uma antiga casa dos Cantoneiros, agora transformada em Wine House, onde iremos ter uma prova de vinhos e petiscar produtos da região, como complemento do nosso almoço picnic que levarmos na mochila.
    Já recompostos, continuamos a nossa caminhada ao longo do rio Tua até chegarmos à barragem de Foz do Tua. Regressamos depois ao ponto de partida pela extinta linha férrea do Tua.
  • – Visita ao Centro Interpretativo do Vale do Tua.
  • – 17h45 – Partida de comboio para a Régua em mais uma viagem de paisagens deslumbrantes, agora com outra luz, devido à hora do dia.
  • – Regresso ao hotel e jantar.

Domingo, 22 de Agosto 2021 

  • – 08h00 – Pequeno almoço no hotel, check-out e deslocação para Lamego.
  • – Caminhada pelo Parque Biológico florestal da Serra das Meadas em Lamego, 3 km, fácil.
    Neste parque vamos passar por vários animais. Alguns encontram-se aqui por pertencerem a espécies protegidas e outros em recuperação. São utilizados como exemplos no programa de conservação da natureza e biodiversidade e também para sensibilização dos visitantes para o perigo da extinção das espécies.
  • – Seguimos depois para visitar a famosa Aldeia Vinhateira de Ucanha no Concelho de Tarouca, com a sua famosa Ponte Romana, em cima da qual foi implantada uma Torre Fortaleza.
  •  16h00 – Regresso a casa depois deste belo programa de Férias por Trás-os-Montes e Douro.

Férias por Trás-os-Montes e Douro
Canoagem no Rio Douro

 

O programa inclui:

  • – Alojamento, 3 noites em quarto duplo c/ pequeno almoço;
  • – 3 Jantares em restaurante;
  • – Canoagem no Rio Douro;
  • – Centro interpretativo do Barco Rabelo.
  • – Prova de vinhos e produtos da região;
  • – 2 viagens de comboio na linha do Douro;
  • – Passeio de barco Rabelo no Rio Douro do Pinhão para a Foz do Tua;
  • – Centro de Interpretativo do Vale do Tua.
  • – Parque Biológico florestal da Serra das Meadas;
  • – Caminhadas e visitas descritas no programa, seguros e guias.

NOTAS:

  • – Se pretender inscrever mais que uma pessoa, deverá preencher um formulário para cada uma, para efeitos de ativação do seguroO pagamento poderá ser em conjunto se assim o pretender.
  • – Se eventualmente, por motivos de logística uma inscrição não puder ser aceite, é devolvido de imediato a totalidade do valor já pago.


Mais Informações dos Lugares 
deste programa Férias por Trás-os-Montes e Douro

AMARANTE – Cidade de Artes e Cultura, museus e tradições

Amarante conquista também pela doçaria e vinho verde. Dos seus doces típicos destacam-se (lérias, papos d’anjo, S. Gonçalos, foguetes, ou brisas do Tâmega) – “S. Gonçalo de Amarante, tantos milagres fazeis, que são mais milagres vossos, estes doces e pasteis”.
Amarante deve a sua origem aos povos primitivos que demandaram a serra da Aboboreira (habitada desde a Idade da Pedra). Tem o seu destino indissociavelmente ligado ao rio Tâmega e às serras do Marão e da Aboboreira: à natureza, numa palavra. As serras, por sua parte, dão o enquadramento telúrico. Também elas se prestam a longos passeios a pé. A observação da flora é outro dos seus encantos. E a fruição dos tons das flores silvestres: os amarelos – todos diferentes! – de mimosas, giestas, tojos e carquejas, ou as mil tonalidades entre o rosa e o roxo das urzes. O Tâmega foi muitas vezes um rio impetuoso, que extravasou das margens e alagou ruas da cidade: atualmente ainda há lápides que recordam esses arrojos. Hoje seduz-nos mais pelo bucolismo das suas margens – golas, penedos, canais, ínsuas, areais – que mantêm nos seus nomes a referência às atividades humanas a que deram azo. A sua frescura comunica-se à cidade e convida aos passeios nas suas margens.

Centro Interpretativo do Vale do Tua

“CIVT – Centro Interpretativo do Vale do Tua é um espaço que procura revelar a riqueza natural e histórica de um território, que ao longo dos tempos se foi transformando pela ação humana. A musealização do espaço está dividida em três temas principais: o Vale, a Linha do Tua e a Barragem. “O Vale” pretende levar o visitante a envolver-se com o Vale do Tua em toda a sua dimensão natural, humana, histórica e patrimonial. “A Linha do Tua” tem como objetivo recordar e aproximar, levando o visitante a conhecer o caminho de ferro, e a realidade local. “A Barragem” permite conhecer e compreender a barragem e demonstrar a relação estabelecida pelo desenho do arquiteto Eduardo Souto de Moura, entre a paisagem e a exigência da tecnologia.”

DICAS

– Use calçado para caminhada e com boa aderência ao solo.
– Use vestuário adequado ao tempo. Leve fato de banho e toalha.
– O uso dos bastões ajudam a proteger as articulações, em particular as dos joelhos!
– Leve desinfetante para as mãos e Máscara (para usar sempre que se verifique necessário).
– Farnel para picnic e Água, 1.5 l/pessoa.
– Máquina fotográfica para guardar recordações

Consulte o programa integral, etc. aqui.


Caminhadas Smile

Pta Pintor José Felix, 1 - 3C
   2720-457 Amadora
914 839 887

SelectandWin
Facebook
Tweets by SelectAndWin Twitter

Reviews

Review