Música para Todos

De 04/12/2017 a 22/12/2017 16:00
Sorteio em 22/12/2017 16:30


Prizes

Open

Win 50 Credits

Description

A Music For All apresenta 3 artístas com estilos bem diferentes mas todos bem interessantes. Aproveite para conhecer o trabalho de cada um deles!

A ORIGEM”,  o ponto de partida de André Abujamra

Místico. Universal. Intemporal. Estas são apenas três das caraterísticas que rapidamente associamos à música de André Abujamra. Este é o homem que liderou a banda do talk show “Agora é Tarde”, apresentado por Rafinha Bastos e que, nos pujantes anos 90 esteve por detrás da banda sonora da mítica série infanto-juvenil brasileira “Castelo Rá-Tim-Bum”, da TV Cultura. O músico e compositor brasileiro estreia-se com o vibrante single “A Origem”, transportando-nos para uma realidade sem tempo onde países e continentes mesclam as suas culturas e influências de forma ímpar.

Revestido de elementos, instrumentos e sonoridades da cultura brasileira e africana, este é um tema de ritmo frenético. A Music For All introduz ao público nacional um artista ímpar que já percorreu caminhos no teatro, na televisão, no cinema e que viu o disco de um dos seus projetos, a banda Karnak, ser eleito um dos dez melhores de sempre de Latin Rock pela reputada Rolling Stone.

André Cibelli Abujamra é, muito possivelmente, um dos artistas mais versáteis do Brasil. Homem de mil talentos, e de inspiração infinita, a ele pertencem alguns dos projetos e criações mais extraordinários da música, teatro, televisão e cinema brasileiro.

 

“TEMPO É FRÁGIL”: KIT apresentam a sua definição do tempo

Ao contrário do tempo, os KIT não têm nada de frágil; são antes a prova de que o Rock’n’Roll está bem e recomenda-se. Depois da estreia com o single “Só Metade”, voltam a provar que são um dos nomes a seguir na cena Rock nacional com o single “Tempo é Frágil”, um midtempo que nos fica no ouvido e que soa a Rock, do início ao fim.

Educados na escola de mestres como Xutos & Pontapés, UHF ou GNR, os KIT rugem com uma força tremenda. Estão na lista de promessas do Rock nacional a manter debaixo do olho. “Tempo é Frágil” é o 2º single do EP de estreia do trio, a ser editado já em outubro, com o selo da Music For All.

Os KIT são um trio lisboeta constituído por Lucas Ribeiro (voz e baixo), Bernardo Freitas (guitarra e segunda voz) e Guilherme Correia (bateria), todos com experiência prévia em bandas antigas, mas que vê neste projeto o passo mais sólido dado até agora para a concretização dos seus intentos Existentes desde Novembro de 2016, os três amigos juntam-se com o objectivo de devolver a vitalidade ao rock cantado em português, inspirado na melhor tradição de bandas como Xutos e Pontapés, Ornatos Violeta, UHF ou GNR.

Caracterizados por refrões orelhudos, cantados em português, e com instrumentais fortes assentes no binómio guitarra-bateria, os KIT pretendem ser o manual básico de sobrevivência para qualquer bom aficionado do rock.

O primeiro passo foi dado com a edição de um primeiro single, “Só Metade” e agora com “Tempo é Frágil”, primeiros excertos do EP de estreia que chegará ao mercado em Outubro, com o selo da Music For All.

 

“YOU BETTER KNOW”,  a saborosa estreia dos KAHLI

Michel Morais e Bruna Vezenfati têm muito em comum. Nasceram no mesmo país, o Brasil. Respiram música, deambulando por entre uma existência mais feliz graças ao amor que nutrem pela nobre arte que é ser músico. E ambos criaram um projeto muito particular na cena musical brasileira, os Kahli.

Music For All, selo que editará muito em breve “Home is Where We Are”, registo de estreia marcado pela Pop e Neo Soul, sob influências Jazzy. Antes, porém, temos acesso a “You Better Know”, single com que se apresentam perante o público nacional.

O calendário marcava o mês de novembro. O ano? 2014. Bastou um sopro de vida para nascer a banda que hoje conhecemos como Kahli. O local não podia ser mais sugestivo: estado de São Paulo, no coração do Brasil. O destino encarregou-se então de juntar Michel Morais e Bruna Vezenfati, músicos que buscavam um propósito maior, um projeto através do qual criassem músicas inspiradas pelo amor e autoconhecimento.

O álbum de estreia foi produzido por Paulo Calasans, tecilista e produtor de nomes do calibre de Gilberto Gil e Djavan. Com a banda trabalharam também o instrumentista Genésio Júnior, o baixista Marcelo Mariano e o baterista Cuca Teixeira (que conta com colaborações com artistas de renome na indústria brasileira, tais como Gal Costa, Maria Rita e o já citado Djavan). Ainda houve a colaboração dos engenheiros de som Luis Paulo Serafim (mistura) e Carlos Freitas (masterização), ambos premiados com Grammys e habituais colaboradores dos maiores músicos brasileiros e internacionais, levando este álbum para um patamar de autêntica excelência, no qual se cruzam temas em inglês e português.

Atualmente, a dupla encontra-se em Portugal sendo representada pela Music For All. A estadia em Portugal já levou os Kahli a atuarem em cidades como Vila Real, Bragança, Porto ou Setúbal. Contudo estes são apenas os primeiros passos de um projeto muito particular. Muito em breve está previsto o lançamento do single de estreia, um tema onde Soul e Pop se encontram num ambiente jazzy, dando corpo a uma letra onde a homenagem vai para a terra natal da dupla, o Brasil, para a sua terra de acolhimento, Portugal, mas também para o mundo.

“Home is Where We Are” é, assim, o registo que apresentará os Kahli ao mundo. A edição está prevista para a reta final de 2017 sob o selo da Music For All

 

Divulgue o código MUSICATODOS pelos seus amigos para que todos possam participar! 


Rules


Music For All

Avenida da República Nº101, 7ºA
   1050-190 Lisboa
211 374 276

SelectandWin
Facebook
Tweets by SelectAndWin Twitter

Reviews

  
Review